Uncategorized

Fórmula mágica para emagrecimento, existe??

Muitas dúvidas foram lançadas após a matéria da revista Veja e outras mídias sobre um novo medicamento para tratamento da obesidade. Anunciado como  a nova fórmula mágica  para emagrecer , tem dado falsas esperanças da sua indicação.

Segundo o endocrinologista Dr. Jader Pereira Resende  como realmente funciona e quais são as indicações desta nova esperança para os que sofrem de obesidade.

De acordo com o Dr. Jader, o que se tem de concreto hoje é que Victoza® é o nome fantasia aprovado na Europa para a liraglutida, o primeiro análogo de GLP-1 (molécula normalmente presente no corpo humano – fabricada no tubo digestivo – que age no pâncreas estimulando a liberação de insulina na presença de glicose) de dose diária única desenvolvido para o tratamento de diabetes tipo 2.

Em estudos clínicos envolvendo mais de 6.500 pessoas com diabetes tipo 2, foi demonstrado que Victoza® tem um efeito de redução significativa da glicose no sangue e leva à perda de peso, ao mesmo tempo que apresenta baixo risco de hipoglicemia.

Segundo o especialista, o medicamento lançado no Brasil em 2011 tem demonstrado bons resultados ao que se propõe, ou seja, controlar a glicose dos diabéticos que tem neste medicamento uma chance de não usar insulina,  podendo também promover a perda de peso.

Ele funciona estimulando a liberação de insulina apenas quando os níveis de açúcar no sangue estão altos. A perda de peso é atribuída ao fato de que ele retarda o esvaziamento gástrico e aumenta a sensação de saciedade após as refeições, enquanto a insulina apesar de também controlar a glicose, leva ao aumento de peso.

Há estudos em andamento para tratamento de pacientes obesos que não sejam diabéticos, com  finalidade única de redução de peso. No entanto, estes estudos não foram concluídos, não tendo especificações ainda de dosagem e sem conclusão ainda da segurança  dos seus efeitos a longo prazo.

O Dr. Jader alerta ainda que este medicamento como tantos outros tem efeitos colaterais indesejáveis, e que precisam de estudos conclusivos para seu uso com a finalidade de emagrecimento,.

E ressalta qu é  indispensável uma avaliação médica criteriosa para seu uso em diabéticos, uma vez também para eles tem contra indicações . E por ser um medicamento novo, tem que ser usado com vigilância.

E ainda que  não está descartada a possibilidade de no futuro podermos usá-lo como aliado em tratamento de emagrecimento para todo obeso, mas para isto devemos ter paciência e prudência.

Enquanto isso, vale a  velha regra, e emagrecimento acontece quando se ingere calorias a menos do que se consome, ou seja é necessário que se tenha  alimentação equilibrada, sem extremos, comendo alimentos nutritivos e de baixo teor calórico, sem pular refeiçoões.

Manter uma atividade física regularmente ajuda a perda mais rápida e saudável, além de evitar ganho na fase de manutenção do peso.  Além disso ter um acompanhamento médico especializado para fazer uso dos  medicamentos que já existem no mercado.

Dra. Francisca Araújo Martins Resende

Fisioterapeuta

http://www.franciscaresende.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s